O Maestro

JOÃO CARLOS CHAVINHA ROQUE GAMEIRO
(20.05.1968)

É natural de Minde, onde iniciou os estudos musicais na Banda da Sociedade Musical Mindense, sob orientação de Jaime da Silva Chavinha.

Em 1983, ingressou no Conservatório de Tomar, onde concluiu o Curso de Formação Musical e Trompete.

Em Abril de 1998, concluiu um curso de Direcção coral com o maestro Paulo Brandão.

Trabalhou na área do Canto Lírico com a professora Maria C. Galante e com o professor Nuno Vilalonga.

Em Novembro de 1998, frequentou e concluiu o Curso Nacional de Direcção de Bandas promovido pelo INATEL, onde trabalhou com o professor Paulo Lameiro e com os Maestros Alberto Roque, José M. Brito e René Castelen.

É professor de Quadro de Nomeação Definitiva de Educação Musical; entre 1990 e 2003, foi professor no Conservatório de Música Jaime Chavinha em Minde, um dos oito pólos de actividades do Centro de Artes e Ofícios Roque Gameiro (CAORG); actualmente é técnico de reparação/manutenção de instrumentos, no mesmo Conservatório; é também docente e responsável pelo Centro de Formação Musical da Sociedade Musical Mindense; leccionou as disciplinas de Formação Musical e Coro no Conservatório Regional de Tomar.

Fez parte do Coro de Câmara do Conservatório Regional de Tomar e foi membro fundador do quarteto de Flautas de Bisel de Tomar.

Em Novembro de 2003, frequentou e concluiu o curso Regional de Direcção de Bandas promovido pelo INATEL, trabalhando com os professores, Francisco Ferreira e José Pedro Figueiredo. Trabalhou na área de direcção de música coral com o Maestro Fernando Eldoro e com a Maestrina Ana Paula Acácio.

Fundou em 1996 o Coro Polifónico do CAORG e, em 2009, o Coro de Câmara do CAORG, hoje Charales Chorus e grupo de Câmara.

Assumiu, em Março de 2002, a Direcção Artística da Banda da Sociedade Musical Mindense, sendo atualmente o seu maestro.

Em Dezembro de 2013, frequentou o Curso de Direcção de Orquestra com o Maestro Alberto Roque no Conservatório de Música Jaime Chavinha, em Minde.